Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Wait aí uma beca

A minha vida não é fácil

Wait aí uma beca

A minha vida não é fácil

16.Jan.18

Futebolês para tonis

waitaiumabeca
Existem várias palavras e expressões utilizadas no mundo do futebol que precisam de ser descodificadas para o mais comum dos tonis: Remate do meio da rua.Ao atravessar a rua, o jogador percebe que não vem ninguém na faixa das bicicletas nem dos carrinhos e com toda a fé do mundo decide rematar. Jogada de laboratório.Jogada testada e certificada por laboratórios conceituados. Provavelmente um ou mais animais foram utilizados para realizar estas experiências.      Pontapé de (...)
09.Jan.18

Ponto de situação dos desejos para 2018

waitaiumabeca
No calendário já marca o nono dia do ano e ainda todos os meus desejos para 2018 estão por cumprir: Sporting campeão.Sim, ainda há muito campeonato por jogar e muito vídeo-árbitro para criticar mas já são demasiadas passas comidas por um Sporting campeão sem obter resultados práticos. Estou ansioso por pintar o cabelo de verde, ir para o Marquês em tronco nu e acordar dois dias depois em parte incerta com um sorriso de orelha a orelha. Euromilhões.Este ano ainda só foram (...)
05.Jan.18

Fim de ano na Serra

waitaiumabeca
Grupo de jovens, na casa dos trintas, decide passar o último fim-de-semana do ano numa casa situada algures na Serra da Arrábida, com pouca rede móvel e wireless quase inexistente. Podia muito bem ser o início de um filme de terror, daqueles com um serial killer criado por lobos que tem uma motosserra de estimação. Como o parque de campismo chama-se YMCA, o assassino de serviço podia muito bem ser um cowboy, um índio, um polícia, um construtor civil, um tropa ou um tipo vestido (...)
18.Dez.17

Correr para aquecer

waitaiumabeca
Runner que é Runner acorda cedo num gélido domingo para fazer dez quilómetros. Onyria Running Challenge é o nome da prova e todas as verbas da corrida serão entregues ao CRID, uma instituição solidária que não tem qualquer relação com ex-presidente da Raríssimas.O ponto de partida é próximo do Farol da Guia em Cascais, que nada tem a ver com o famoso frango da Guia. Frango não é gourmet o suficiente para aquela zona, teria que ser um faisão. Recebi o número 192, (...)
13.Dez.17

E quase tudo a Ana levou

waitaiumabeca
Festa de aniversário em noite de tempestade. Quando saí de casa, a Ana estava a dar os seus primeiros sopros, ainda sem sinais de chuva. Parece que ela descobriu que Portugal foi considerado o melhor destino do mundo e como tal decidiu fazer uma visita noturna.A ponte tinha que ser atravessada para chegar à outra margem. Sendo o meu carro um parente próximo de uma caixa de fósforos, foi algo complicado seguir a direito mas lá consegui atravessá-la sem visitar o Tejo. Cheguei ao (...)
08.Dez.17

Aquela altura do ano

waitaiumabeca
Chegou a altura do ano em que as fotos de lareiras, árvores de Natal, presépios e animais imbuídos no espírito natalício invadem as redes sociais. Se tiver uma majestosa árvore de dois metros com um presépio do tamanho do Portugal dos Pequeninos, ao lado de uma lareira a crepitar e de um Chihuahua com hastes de rena, consegue ter tantos likes que até o Facebook deixa de responder.Em Dezembro passa-se a ter amigos secretos. Às vezes são tão secretos que já não te lembras quem (...)
04.Dez.17

O dependente de séries foi às compras

waitaiumabeca
O dependente de séries consegue, com muito esforço, fazer uma pausa na sua maratona da Anatomia de Grey e decide ir ao shopping comprar as prendas de Natal para os poucos amigos reais que possui.Não era um dia de semana com cor de desconto mas parecia. O vírus do consumismo parece ter infetado mais de metade da população e grande parte estava naquele centro comercial, transformada em mortos-vivos sedentos por uma boa compra. O primeiro artigo a comprar será um arco e flecha igual ao (...)
27.Nov.17

Tudo bem?

waitaiumabeca
Existem várias maneiras de abordar alguém conhecido e todas elas têm riscos associados:   Tudo bem? A maneira mais comum de abordar alguém. Em noventa por cento das vezes a resposta é “Tudo, e contigo?” mas há quem possa aproveitar a pergunta para contar a história da sua vida. “Tudo começou quando eu tinha 5 anos…” é mais do que motivo para libertar o Bolt que há em si, sem nunca olhar para trás.   Tudo a andar? “Um pé a seguir ao outro” é uma das respostas (...)
23.Nov.17

Tragédia para os gregos

waitaiumabeca
Dia de Sporting. O trânsito era tal que vi-me grego para chegar ao estádio. Espero não sair do estádio com a mesma nacionalidade. Esta época é a primeira vez que vejo um jogo no estádio. Sou um mau sportinguista.Arranjaram-me bilhete para o segundo anel. Visto de cima o Podence ainda parece mais pequeno. Eu acho que ele devia entrar em campo de mão dada ao Jubas, só para baralhar o adversário. Curiosamente as madeixas do Fábio Coentrão não causam tanto impacto vistas de cima.  Ant (...)
12.Nov.17

Quando cai a noite na cidade

waitaiumabeca
Chegaram os dias em que o sol decide descansar quando apenas se passou meia hora depois das cinco. Com a noite chega o frio, o que praticamente obriga a um recolher obrigatório. É como se a mãe natureza dissesse: “Ok, aqui já não há nada para se ver, vão para casa!”. Os runners florescentes aumentam e jantar às seis da tarde passa a ser aceite pela sociedade.Com o frio regressa o tema da lenha. Há sempre alguém que conhece um sítio onde arranja a melhor e mais barata. (...)