Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Wait aí uma beca

A minha vida não é fácil

Wait aí uma beca

A minha vida não é fácil

A Invasão

Atacam bem cedo e aos pares. As empregadas de limpeza chegam com o nascer do sol e a falar, normalmente noutra língua, em alto e bom som.

Quando dás por ti já estás de pés no ar para a senhora passar a esfregona pelo chão, o teu teclado escreveu coisas estranhas e o monitor apagou-se após a passagem rápida mas eficaz de um pano.

As casas de banho ficam ocupadas, há baldes cheios de água em sítios pouco recomendados e o teu copo de plástico que tinha quantidade certa de água para matar a tua sede já foi parar ao lixo.

O aspirador está na potência máxima e vês assim sugada a tua pequena hipótese de fechar os olhos por um bocadinho...

Estou cá com uma Sochi

 

Sochi está agora nas bocas do mundo por receber este ano os Jogos Olímpicos de Inverno.

A partir das seis da matina já é possível ver mulheres à pancada no hóquei no gelo, homens deitados uns em cima dos outros para deslizarem em velocidade no gelo e atletas a empurrarem pedras e limparem o gelo com bastante intensidade.

Há avisos de água perigosa em hotéis, casas de banho com duas sanitas e nenhuma divisória, bastantes barretes com pompons a circularem e jamaicanos na neve.

Patinadores artísticos mandam beijinhos e fazem corações para a câmara enquanto esperam pelos resultados tal como os cantores dos festivais de Eurovisão e no final de todas as provas homens e mulheres fazem a festa por receberem um minúsculo ramo de flores.

 

 

           

Não me toques Bo que o Mel quer me matar.

Há noites que sem saberes muito bem como vais parar a uma discoteca de kizomba/salsa.

Após subir umas escadas em caracol entro num espaço que têm as paredes pintadas com rosas e touros, cortinas de casa de banho e televisões a passar um concerto da Miley Cyrus.

Há quem dance para o espelho, há quem dance de olhos fechados e há quem monte a perna do parceiro ao som de ”Não me Toca”, Bo Tem Mel” e “Essa Quer Me Matar”.   

Existem bastantes espectadores à espera da próxima dama que fique livre e quase todos muito bem vestidos. Tenho que passar a ter um laço de emergência no caso de ter o infortúnio de ir parar a outra casa do género.

Descobri num poster que existe algo chamado bachata mas não é nada que se coma, as casas de banho tinham a designação de aseos e eram mais bem concorridas que a sala de salsa.

É o local ideal se quiser acabar a noite a dançar numa roda sugerida e protagonizada pelo bola 7 wannabe lá do sítio.

Wool of the Match

Já estava tudo a postos. O portátil estava ligado à televisão, tinha encontrado um streaming sem grandes paragens de imagem e uma listagem de nomes feios para chamar ao árbitro na ponta língua.

Mas acabou por ser um jogo rápido, marcado por um domínio avassalador por parte da lã de rocha que circulou por todas as posições do campo e ainda conseguiu ter uma tremenda eficácia em guardar a bola.

Ao que parece terça-feira há mais, a ver vamos como é que vai ser o comportamento da lã a pouco mais de quarenta e oito horas de um jogo tão intenso.

Parabéns Facebook!!

O facebook faz hoje 10 anos. São 10 anos de likes, fotos de comida e de animais, ser identificado em fotos comprometedoras e ver relações que começam e acabam.

Ler vários avisos de que o facebook vai passar a ser pago se não colocar um texto grande no mural e receber pedidos de jogos e de amizade por parte de desconhecidos.

Descobrir amigos de infância que não vês há bastante tempo, entrar em contacto com eles pelo chat e passado uns tempos limitar-lhes o acesso ao teu perfil.

Confirmar várias presenças em eventos, uma grande quantidade de frases feitas lidas e partilhadas e bastantes queixas sobre o tempo e por trabalhar por turnos.

Fazer like a várias páginas sugeridas por amigos e quando dás contas já gostas de sítios onde nunca foste, livros que nunca leste e de uma clinica de depilação na Buraca.