Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Wait aí uma beca

A minha vida não é fácil

Wait aí uma beca

A minha vida não é fácil

Regresso ao Passado

Visitar o que foi o teu quarto durante grande parte da tua vida pode ser um autêntico regresso ao passado mas sem a presença do Júlio Isidro.

Encontrei fotos do tempo em que tinha bochechas, uma caderneta de cromos de futebol da época 1999/2000 (Grande época) em óptimas condições, uma garrafa de cerveja Sporting e uma publicidade da Pizza Hut de 2010.

Descobri recordações de viagens feitas e de festivais visitados onde predominam cenas que fazem luz, uma fita de flores de plástico e uma bóia insuflável ainda por estrear.

Achei livros escolares, réguas, esquadros e compassos num estado pouco recomendável e um teste do 9º ano de Educação Visual em que tive a nota Fraco. Só passei a essa disciplina por bom comportamento…

Let's Get Physical

Eu sou daquelas aves raras que não frequenta ginásios e ao ver o nome das aulas não deixo de especular sobre as mesmas:

 

Spinning – Girar até às bebidas energéticas fazerem questão de sair.

Mib -  Exercícios para homens vestidos de negro.

V-TNT Fit – Ficar magrinho como um bastão de dinamite.

Millitary Training – Para pessoas que até pagavam só para ir à tropa.

H2O – Beber água até começarem a nascer escamas.

X-Press Abs – Abdominais entregues por correio azul.

Zumba – Dançar o Zumba na Caneca em diferentes velocidades.

Bum Bum Brasil – Uma aula que gostaria muito de assistir.

   

                                     

 

 

 

Corre Pá! Corre!

Pagar para acordar cedo e correr 15 quilómetros com alguma chuva pelo caminho não é para todos.  

Comecei a manhã a furar, com alfinetes de dama, uma t-shirt em perfeitas condições só para ser identificado com um número. Também foi preciso ter que colocar uma cena de plástico em arco nos atacadores de um ténis. Num ápice tornei-me num código de barras acelerado.

A corrida começa e lembras-te que 15 quilómetros vão custar um bocado. Há quem corra sozinho, há quem prefira em grupo ou a ouvir música. Nas playlists muito possivelmente estarão as canções “Eye Of The Tiger” e “Cavalo de Corrida”.

Existem estradas fechadas para a prova, entrega de garrafas de àgua ao quilómetro 5 e velhotes a ultrapassarem-me. No rótulo das garrafas diz Sport e talvez por isso seja um autêntico desporto radical consegui-las abrir.

Nunca parei e nos últimos quilómetros ainda consegui sprintar, que deu direito ao apoio efusivo de desconhecidos. Tiraram-me várias fotos mas na foto da minha chegada triunfante à meta fui tapado por um cabeçudo.

No final só recebi uma medalha que facilmente trocava por uma sandes de qualquer coisa e uma t-shirt um tamanho acima do que tinha pedido… Foi um dia que passou a correr.

And the Oscar goes to....

O arranque dos Óscares foi anunciado nas redes sociais com a partilha de fotos dos vestidos que as atrizes usaram na passadeira vermelha. É sempre bom rever a Charlize Theron mas quem sofre de epilepsia não deve ter gostado de ver a Anne Hathaway.

Ellen DeGeneres foi a anfitriã da cerimónia com um humor bastante certinho, mandou vir pizzas e tirou umas quantas selfies.

A grande surpresa da noite, e talvez a única, foi Lupita Nyong’o que ganhou a estatueta de Melhor Atriz Secundária vencendo a favorita Jennifer Lawrence. A Jennifer, que se calhar previu que não iria ganhar, repetiu a queda do ano passado mas agora antes da cerimónia começar.

Gravidade venceu 7 Óscares, o que deu direito a Alfonso Cuarón arranhar o seu inglês, Paolo Sorrentino agradeceu a Maradona, Matthew McConaughey mostrou mais uma vez que perder peso dá direito a Óscar e Steve McQueen deu pulos de alegria com a estatueta de Melhor Filme.

No final pareceu-me que tinha acabado de ver os prémios da MTV: Spike Jonze, que é conhecido por colaborar com os Jackass, ganhou merecidamente a estatueta de Melhor Argumento Original, o vocalista dos Thirthy Seconds to Mars levou para casa o prémio e os Arcade Fire não, a Pink cantou e vendo o numero de Óscares que Gravidade venceu, bem que a estatueta podia estar vestida de astronauta.

Hoje é dia de varrer as migalhas, de por no lixo os pacotes de gomas vazios e de descobrir nos sítios mais escondidos da casa amendoins torrados no forno que estavam em promoção no Pingo Doce.

 

 

 

Era uma vez

Capitão Phillips era um velho Lobo do mar, Escravo de uma vida solitária até ao momento que entrou no Clube de Dallas.

Num Golpe de sorte conheceu uma mulher, Americana de nacionalidade, e foi como se o mundo parasse e faltasse a Gravidade.

Chamava-se Philomena, nascida e criada no Nebraska, e desse encontro nasceu uma bela História de Amor.