Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Wait aí uma beca

A minha vida não é fácil

Wait aí uma beca

A minha vida não é fácil

O meu reino por uma bola

Porquê um fascínio tão grande por uma bola? Mal abro o portão e aparece em grande velocidade Óscar o labrador trazendo com ele duas bolas na boca. O amor por elas é tão grande que mesmo abdicando de uma para eu atirar a outra permanece na boca. Só as liberta quando não estou a prestar-lhe atenção e ele tem a perfeita noção que não se deve ladrar de boca cheia.

As portas de correr de alumínio podem estar encostadas mas ele com uma simples narigada consegue abrir e cuspir a bola para dentro da minha casa. Se eu não lhe devolver a bola ele está pronto para me alertar com um ladrar continuado e patadas nas portas. Se eu quiser um pouco de silêncio terei que fechar o estore mesmo se lá fora estiver um dia maravilhoso.

Quando a atiro é vê-lo feliz da vida em sua perseguição e muitas vezes chega primeiro que ela. É como se lhe tivesse saído o Euromilhões canino e faz bastante questão que lhe saia várias vezes durante o dia.

O Óscar não é meu mas ele tem certeza absoluta que eu sou dele.

Atirei a bola mais de dez vezes durante a escrita deste texto.