Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Wait aí uma beca

A minha vida não é fácil

Wait aí uma beca

A minha vida não é fácil

11.Abr.18

Amor à primeira apitadela

Estou ciente da minha função. Como vivo no rés-do-chão, costumo receber várias visitas do Oscar, o labrador dos vizinhos de cima, com o objetivo de chutar uma bola o mais longe possível. Já é uma tarefa a que estou mais do que habituado, até o dia em que ele apareceu trazendo uma bola com apito na boca.

Já chutei bolas de ténis, de futebol e até de râguebi, mas uma bola com apito é algo de muito complicado. O Oscar já não precisa de espreitar para dentro da minha casa e de ganir até ser atendido. Começo logo a ouvir o apito mal ele começa a descer as escadas do prédio. Para agravar a situação, o Oscar precisa sempre de duas bolas para a sua atividade favorita e a que apita é aquela que raramente sai da sua boca.

Perguntei ao Google o motivo pelo qual os cães gostarem tanto de brinquedos com apito. Tem a ver com o instinto de caça canino e com a grande vontade de receberem a atenção do próximo. Este texto está a ser escrito sob uma quantidade considerável de chamadas de atenção.

Agora oiço o apito por todo o lado e em todas as situações possíveis e imagináveis. A felicidade dele com a bola na boca é grande mas ela terá que desaparecer. Vai ser complicado ao início para ele, mas outra bola irá aparecer e irá silenciosamente preencher o vazio deixado.      

 

             oscarbola.jpg

 

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.