Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Wait aí uma beca

A minha vida não é fácil

Wait aí uma beca

A minha vida não é fácil

22.Mar.18

Correr por uma árvore

A probabilidade de apanhar uma grande molha era alta, mas sendo o toni que sou, não podia deixar de participar na Corrida da Árvore e levar o vegetal para casa. Todas as árvores precisam de água para crescer, mas se a tempestade Hugo decidisse aparecer, nem precisariam de ser plantadas para assistir em direto ao nascimento de uma nova floresta.

Tinha sono e poucas horas de treino nas pernas. Reparei que os meus ténis já tiveram melhores dias e que o risco de infiltrações é elevado. Durante a corrida ouvi, por mais que uma vez, o apito da polícia mas não parei. Tinha a perfeita noção que não ia em excesso de velocidade. Cheguei a estar ao lado do Pedro Proença, presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, mas deixei-o ganhar terreno em nome da verdade desportiva.

Não fiz um tempo brilhante mas ao menos consegui fugir da chuva. Enquanto aguardava pela chegada do meu colega da Epic Team, servi de fotógrafo a um atleta que não podia esperar que os seus amigos terminassem a prova. Acabei por não levar a árvore para o jardim, senão teria cravado no seu tronco o número do meu dorsal e seria o local preferido para o labrador dos meus vizinhos fazer as suas necessidades. Foi semi-épico.

             

                   corridaarvore.jpg

   

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.